Menos Fake, mais News!

dicas.fakenews

Em tempos de redes sociais, é dever de todos nós estarmos atentos ao que recebemos, porque certamente o volume de bons conteúdos é grande, mas o de conteúdo duvidoso talvez tenha o mesmo peso.

São sobre as “fake news”, notícias falsas, que vamos conversar. Este é um termo recente, mas sua influência talvez tenha nascido no tempo em que as informações eram passadas somente de boca a boca (quem nunca ouviu o ditado “Uma mentira contada mil vezes torna-se verdade”). Mas dá a sensação de que as “fake news” têm hoje muito mais poder, afinal, quantas vezes você já recebeu textos, imagens, vídeos, áudios, links etc e nem sequer parou para pensar a respeito do conteúdo e logo foi compartilhando? Quem “perde tempo”, checando o fato? (afinal, esta verificação hoje é muito mais rápida do que no passado).

Esta checagem não cabe apenas aos comunicadores ou formadores de opinião, mas a todos nós que, com um apertar de botão, podemos disseminar invenções que podem prejudicar pessoas, relacionamentos, grupos e até a diplomacia entre empresas e países!

A Igreja está atenta, tanto é que neste ano, ao celebrar o 52º Dia das Comunicações Sociais, o Papa Francisco tratou deste assunto na mensagem “Fake news e jornalismo de paz”. Nela, o pontífice diz que “[As fake news] são capazes de chamar a atenção dos leitores, apoiadas sobre estereótipos e preconceitos generalizados, e explorar emoções, como ansiedade, desprezo, ira e frustração. A difusão destes conteúdos falsos acontecem em sua maioria pelas redes sociais, onde ganham visibilidade e tornam seus danos irreversíveis, gerando ambientes de confronto, de descrédito do outro, que passa a ser visto como um inimigo. Uma demonização que pode fomentar conflitos”. Contra este movimento, “O antídoto mais radical ao vírus da falsidade é deixar-se purificar pela verdade”, afirmou. E termina, rezando: “Senhor, fazei de nós instrumentos da vossa paz. Fazei-nos reconhecer o mal que se insinua em uma comunicação que não cria comunhão”.

É importante dar atenção a outros canais de comunicação e pontos de vista, antes de compartilhar um conteúdo. Agindo de forma irracional, vamos construir uma sociedade combativa, sem paz. Olhemos para o momento em que vivemos: quantas contradições, discussões e quebra da civilidade temos presenciado por conta da disseminação do falso! Nada disso nos ajudará a formar nossa opinião e, mais além, em ajudar a construir um futuro melhor já a partir do compromisso democrático que se aproxima.

O convite não é ao pensamento, mas à ação! Ao receber qualquer conteúdo, busque por mais informações, pelo contraditório.

Baixe a mensagem completa do papa Francisco para o 52º Dia Mundial das Comunicações Sociais, clicando mensagem.ComunicacaoSocial

Leia também a Cartilha de Orientação Política

fonte: Matheus L. Camerro, agente da Pastoral da Comunicação

Anúncios

Um comentário sobre “Menos Fake, mais News!

  1. Pingback: Eleições 2018 – “colinha” | Paróquia Nossa Senhora Aparecida

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s